Celeste...




No silêncio das tardes
Quando Deus aquarela os dias
Eu sinto a respiração dos Anjos
No sopro das asas dos pássaros

Wania Victoria


Fotografia tirada pela minha amiga Letícia quando fomos à Igreja Sacré-Couer, em Paris.  A placa era o foco, mas a pombinha foi a estrela da fotografia.  Uma tarde dourada de outono emoldurada por um celeste azul.

28 comentários:

Mírian Mondon disse...

Wania querida,
Que maravilha ser poeta, que maravilha ter seus olhos, ter sua voz... sei que guardei o encantamento em meus olhos, mas não tenho a mesma música em minha voz. Por isso gosto de te ouvir falar com tanta graça das coisas que amo!

Bisous

Mirze Souza disse...

Maravilha, WANIA!

"Quando Deus aquarela os dias"

Belíssimo!

Beijos

Mirze

Hercília Fernandes disse...

Wania, minha querida.

Seu poemeto leva-nos ao céu, às sublimidades celestes.

O flagrante [fotográfico] da imagem nos acena à uma das faces de Deus.

Lindo post, Wania.
Abundantes felicidades a você e a sua amiga na cidade das luzes!

H.F.

Lara Amaral disse...

Lindíssimo poema! Um enlevo só! Tbm gostei da foto, o flagrante do pássaro. Tudo perfeito!

Beijo, linda!

Batom e poesias disse...

Ídem Larinha!
Ídem!

beijocas, doutora!
Rossana

tonholiveira disse...



Céu este...

Amei... Amém!

:)

myra disse...

estou de acordo com todos os comentarios! lindo!minha linda Wania!
beijos

carmen silvia presotto disse...

Uma foto, uma tela em versos, um haicai, um momento intenso, poesia!!!

Um beijo Wania e gosto muito de te ler.

Adriana Karnal disse...

Wania,
tu estás no céu, não é?
bj

Úrsula Avner disse...

Oi Wania querida,

delicado texto poético e a foto é um show !!! Bj grande.

Noslen ed azuos disse...

bonita combinação:
da poesia com a fotografia
da fotografia com sua energia
da poesia com sua alegria
e de vc com a natureza
que a beleza irradia.

ai que vergonha de ser romântico demais rsrsrs, mais ficou bonitinha!?

bjs
ns

Juan Moravagine Carneiro disse...

não importa o tema...vc sempre surpreende..

abraços e estou de volta no Rembrandt

Wania disse...

Mírian,

Tu és uma flor de pessoa, imagina se não tens voz...e é das vozes mais bonitas que eu conheço...meu coração ouve que é uma beleza!


E já amava Paris, agora então...bahhhh...nem se fala! Cada dia eu descubro mais um pedacinho amado. Obrigada pelas palavras belas, aquecem meu coração. como sempre!

Bisous

Wania disse...

Obrigada, Mirze


Como é bom te receber por aqui, amiga!
Ainda mais para saber que apreciaste a minha escrita.


Bj grande

Wania disse...

Hercília querida!

Que saudade...
Agradeço o comentário e tb as boas energias, com certeza já recebemos cada pedacinho!

Eu tb amei a foto, minha amiga tira belíssimas fotos... eu, no entanto, sou péssima fotografa, mas não espalha! ;)

Bjsssssssss

Wania disse...

Ahhh, Larinha

Que bom que gostaste... tá saindo cada foto mais lindinha, depois te mando algumas por email, se quiseres, é claro!

Obrigada pelo carinho de sempre, nem sei mais ficar sem ele! ;))))



Bjão carinhoso pra ti

Wania disse...

Rossana amadica


Oba, oba!
Digo a mesma coisa que disse pra Larinha, nem sei mais ficar sem o carinho diário de vocês!



Merci beaucoup,
Bisous

Wania disse...

Tonho

Esta céu se apresenta como uma pintura nova a cada final de tarde!
Que continue assim...
Amém!!!!

Merci, mon ami...
Bjinhos mil

Wania disse...

Myra, minha flrozinha


És outra amiga que se não aparece falta uma margaridazinha no meu jardim... e daquelas sempre radiantes!


Merci, ma chèri
Bisous

Wania disse...

Carmen


E eu adoro mais ainda saber disso! Com certeza, és sempre um vento a favor da minha escrita!

Agradeço de coração,
Bj grande, amiga!

Wania disse...

Doce Adriana


Que bom te ver de volta!

Será que dá pra perceber...rsrsrs!???!!!!!!!
Se não tô lá, já tô quase chegando, amiga! Eu sou "pouco" entusiasmada... é notório, né?????!!! ;))))))))))))))))))


Bj imeenso e uma rosa branca pra ti

Wania disse...

Merci, Úrsula


Ler estes comentários me dá energia para "corrrer" o mundo. Eu, daqui, transbordo!


Bão, amiga querida

Wania disse...

Nelson


Ficou muito amadica, adorei!
Combinou perfeitamnete...eu não sou romântica, dá pra perceber de longe...rsrsrs! ;))))


Lembrei-me de ti, sou uma fotógrafa t-e-r-r-í-v-e-l... minhas fotos tem bastante chão ou bastante céu, do foco, no meio, às vezes, eu corto um pedacinho da parte de cima ou uma pontinha de baixo...rsrsrs, uma pontinha pouca tipo os pés ou a testa, mas não espalha, faz de conta que eu sei! ;)))))))))


Merci pour votre attention,
Vous êtes très gentil,
Bisous

Wania disse...

Rafa querido!


Bom te ter de volta, assim que der passo lá no teu cantinho!


Obrigada pelo comentário, me faz feliz saber disso, sabia?

Bj grande

Zélia Guardiano disse...

Lindo e leve como o vôo da referida pombinha...
Parabéns, Wania!
Enorme abraço

Adriana Godoy disse...

Bonitíssimos, a imagem e os poema. Paris está te fazendo bem. Beijo.

Albuq disse...

Delicadeza é o que preenche de beleza a tua poesia... lindo verso minha amiga, linda foto! bjs

Lou Vilela disse...

Os tons parisienses têm tornado os teus versos ainda mais encantados. ;)

Cheiro