fluxopoema

.


* Mais poemas: para miúdos, aqui; para graúdos, aqui

11 comentários:

Lua Nova disse...

Lou, te admiro faz tempo e cada vez descubro mais talentos em vc. Se bem que a palavra parece ser seu principal elemento.
É um desafio interessante essa criação e pra mim, impossível de realizar.
Beijos.

Albuq disse...

Lou... você desafia as palavras com seu talento de dar sentidos... perfeito!
bjs

Luiza Maciel Nogueira disse...

fluir com as palavras

poema fluxo correnteza

Belo!

Bjs

Renata de Aragão Lopes disse...

Versos em circuito!
Leituras múltiplas...

Você domina o estilo, Lou!

Beijo,
Doce de Lira

Ludmilla disse...

Pelo visto, tão permitida a brincar com palavras, és tú também!
Parabéns. Abraço.

Mirze Souza disse...

Derramar entrelinhas e Subscrever sentidos.

Fantástico! Todo o poema em perfeita combinação!

Beijos

Mirze

Úrsula Avner disse...

Oi Lou,

belo poema em criativa construção ; formatação e jogo de palavras. Bj.

Lara Amaral disse...

Vc toca a palavra e nos faz sentir, suas letras criam vida; nossos olhos, magia.

Muito legal seu poema concreto, Lou!

Beijos.

Lou Vilela disse...

Caríssimas (Lua Nova, Albuq, Luiza, Renata, Ludmilla,Mirze, Úrsula e Lara),

Obrigada pela leitura e pelos comentários motivadores!

Um grande abraço,
Lou

Juan Moravagine Carneiro disse...

perfeito!

Desculpa pela minha ausência

andei sem tempo para nada

agradecido pelas visitas ao Rembrandt

abraço

Lou Vilela disse...

Juan, você é sempre bem-vindo!

Abraços