Provence...




Sopra o mistral

desabotoando as casas do tempo

As cigarras cochicham segredos

que só as pedras sabem ouvir

Os Anjos banham-se em lavanda

E o sol vem escrever na lousa anil

a história de cada dia...


Aqui o Criador ainda sorri!

[e eu também]



(Wania Victoria)







12 comentários:

Wania disse...

Estou em Provence, um lugar encantador. Não existe poesia que possa expressar o que senti aqui, a poesia é viver isso!

Concordo com todas as palavras que Peter Mayle escreveu sobre este lugar mágico. Aqui me perdi...

Bj carinhoso

Celso Mendes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Celso Mendes disse...

Acho que aí deve ser algo próximo do paraíso então, um pouco além, céu...

poema belo, suave e lírico, Wania!

gostei muito.

beijo.

carmen silvia presotto disse...

Wânia sente o aroma dos campos de lavanda em teus versos, beijo, boa viagem e um abraço pelo dia do Amigo.

Carmen.

Sandra Botelho disse...

Lindo demais...A foto em si já é uma viagem.Belissimo poema.Bjos achocolatados

myra disse...

bellllo!
deve ser mesmo um Paraiso!
muitos beijos e com mto carinho!

MIRZE disse...

Wania!

Fico muito feliz por você. Provence é realmente o lugar que o Criador caprichou e os habitantes também.

Tranquilo.....


Beijos

Mirze

Adriana Karnal disse...

Wania, foto delicada como tu...Provence é um sonho ( nao conheço, mas imagino)

Adriana Godoy disse...

Conheço Provence e, realmente, a sensação é única. Um lugar onde quero voltar algum dia.

Lindo poema,

Beijo

Úrsula Avner disse...

Oi wania querida,

quanta delicadeza poética abrilhantada por tão linda imagem... Imagino o quanto o lugar é belo... Aproveite a inspiração poética minha amiga. Beijão.

Wania disse...

Amigos queridos

Agradeço de coração todas as palavras e o carinho deixados aqui, recebi tudinho e adorei!

Bjks em todos,
com carinho especial.

Batom e poesias disse...

Você descreveu direitinho. Só faltou dizer o quanto demora para o sol ir-se embora...
Lindo, lindo, lindo.
Como você!

bjbjbjb
Rossana

P.S.Confesso que as cigarras me irritavam um pouquinho... kkk